quinta-feira, 25 de outubro de 2018

Como doar parte do imposto de renda para ações sociais?

O Imposto de Renda é uma das obrigações mais importantes ara o cidadão brasileiro e deve ser corretamente cumprido. Muita gente não sabe como funciona o imposto, nem os recursos que podem estar envolvidos. Por exemplo, você sabia que pode doar parte do IR para ações sociais? Saiba mais a seguir.

O que é o IR?

O Imposto de Renda é uma declaração muito importante que deve ser realizada anualmente. O imposto de divide em duas categorias, sendo elas para pessoa física, o IRPF, e o para empresas, o IRPJ.

De acordo com o regulamento do imposto, é obrigado a declarar o Imposto de Renda 2019 quem:
  • Quem obteve no último ano rendimentos superiores a R$ 28.559,70 por intermédio de aluguéis, vendas, pensões, entre outros;
  • Quem possuía, em 31 de dezembro de 2018, bens materiais, imóveis ou veículos acima de R$ 300 mil;
  • Quem obteve algum tipo de ganho através da venda de carros, imóveis ou outros bens;
  • Quem obteve receita bruta através de atividade rural acima de R$ 142.798,50.
Vale lembrar também que existe um prazo para declarar e pagar o imposto e o não cumprimento pode gerar várias consequências, por isso é necessário ficar atento às datas!

Como doar para ações sociais?

Como você já deve ter percebido, declarar e cumprir com o IR é muito importante e o melhor, é que você utilizar uma porcentagem desse valor para ajudar uma causa sem pagar nada a mais por isso. Os contribuintes podem doar para programas sociais como escolas de música clássica e subsídio de livros para escolas púbicas. Há muitas possibilidades de aplicar a sua doação!

Para realizar a simulação Imposto de Renda e destinar o valor para a doação, é preciso que você entre na página do IR ou baixe o aplicativo no seu celular e faça a simulação das taxas.

Até o dia 29 de dezembro, o contribuinte pessoa física pode destinar até 6% do seu imposto de renda para a doação. Para pessoa jurídica, a porcentagem de doação é de até 1% do valor do imposto.


Infelizmente esta ação ainda não é tão conhecida, porém muitos contribuintes já estão participando da inciativa. Para contribuir, é necessário primeiro estar de acordo com o IR e pagar o valor dentro do calendário estabelecido. Ou seja, sem atrasos no imposto!

Também é necessário que você faça a declaração completa, para que nenhum valor seja omitido. Depois, basta comprovar a doação para a Receita Federal e ela será descontada da declaração anual.